Trekking: Qual é o ideal para você?

O trekking é uma palavra em inglês que significa “seguir um caminho a pé”. Se formos traduzir para o português, podemos chamar de trilha ou caminhada seguindo um determinado trajeto.

De fato, o trekking é uma mistura na qual você pode unir uma atividade física com uma aventura, com hábitos saudáveis, com um tempo de meditação com a natureza e com as suas viagens inesquecíveis. O trekking tem sido praticado cada vez mais por pessoas do mundo todo, por ser uma atividade acessível, com baixo custo e fonte de muitos benefícios para a saúde.

Ficou interessado? Gostaria de começar a ser um praticante de trekking? Então confira dicas importantes para você ter a melhor experiência nesse esporte.

Os praticantes de trekking, ao escolher qual trilha irá fazer, devem focar na dificuldade do trajeto, na duração e extensão do percurso e a localização da trilha.

1-DIFICULDADE DO TRAJETO:

O que torna uma trilha mais difícil do que a outra? Primeiro de tudo é importante saber o nível da altitude do seu trajeto. Mas o que isso significa? Você deve saber se a sua trilha tem mais trechos em aclives e declives do que em superfícies planas. Com certeza, uma trilha com mais subidas e descidas exigirá muito mais do seu físico do que uma trilha em terreno plano.

Outro ponto importante é saber qual o piso da sua trilha. Piso? Como assim? Você deve conhecer se a sua trilha conta com uma estrutura como calçamento e pavimentação ou não possui nada, e você terá que percorrer seu caminho em estrada de terra, com lama e vegetação.

Tudo claro até aqui? Então vamos para a próxima dica!

2-DURAÇÃO E EXTENSÃO DO PERCURSO:

Pesquise quanto tempo as pessoas levam em média para percorrer todo o trajeto do trekking que você deseja fazer. Isso te ajudará a saber quanto de água e comida você deve levar, que horas você deve começar a sua trilha para dar tempo de terminá-la no período planejado e se você está bem condicionado para encarar todo o período andando.

Além disso, uma das informações mais cruciais que você precisa saber é a quilometragem da sua trilha. Imagina você começando a fazer sua primeira trilha sem saber que todo o percurso dela tem 45km! Complicado, né? Por isso é fundamental ter certeza da extensão de todo o trajeto.

Você já aprendeu quase tudo. Falta apenas a última dica!

3-LOCALIZAÇÃO DA TRILHA

Primeiro de tudo: escolha seu trekking em lugares que você ama, com atrativos naturais, como por exemplo cachoeiras, vistas do alto de montanhas e vistas para o mar. Esses atrativos funcionam como presentes da natureza que vão te trazer alegria, motivação e bem estar.

Procure saber também como é a acessibilidade da sua trilha. Tem como chegar até ela de carro? Tem que passar por propriedades privadas? Tem cidade por perto? Qual a estrutura do local? Respondendo essas questões, você saberá qual cenário que irá encontrar quando chegar no seu trekking.

Bom, agora você sabe o passo a passo para escolher a trilha que mais combina com você e mais se encaixa no seu perfil. Lembre-se sempre de utilizar calçados apropriados e confortáveis. E se o local for muito retirado, nunca vá sozinho. Leve amigos com você e avise pessoas próximas sobre a data, horário e local do seu trekking.

Por: Gabriel Melhado

Curtiu essas dicas sobre trekking? Então compartilha com seu amigo e convide ele para embarcar nessa com você.

Ficou alguma dúvida? Comente aí embaixo!

Valeu!

Compartilhe: 

Gostou do Conteúdo?! Deixe seu comentário abaixo!
5 Filmes Sobre Trilhas e Escaladas
Menu